Tag Archives: indonesia

cissa.em.uluwatu

24 jun

“O pior dia de praia é melhor que o melhor dia de trabalho!”

Sem mais por hoje.

Me retiro deixando vocês com o vídeo da nossa viagem a Uluwatu com os amigos Fernanda e Gustavo, que a essa altura devem estar sonhando com as próximas férias!

cissa.em.padang – parte II

9 abr

Aos céticos de plantão, aí vai o segundo vídeo em menos de 24h! Há!

Mas não se acostumem muito, não, pois os próximos ainda vão demorar um cadinho. Mas prometo que valerá a pena esperar: teremos os devotos flagelados da procissão hindú do Thaipusam e uma chinatown fervilhando às vésperas do Ano Novo Chinês. Mas não hoje. E nem amanhã. Com muita sorte semana que vem! Mas prometo novos textos enquanto os vídeos não ficam prontos…

Agora deixo vocês com mais um pouquinho de mim – do outro lado do mundo. Um videozinho da nossa estadia no lago Maninjau durante a viagem a Padang, na Indonesia. Se você leu e já esqueceu, aqui tá o post!

Ah, aquela coisa: fase de teste, bla bla bla…

cissa.em.padang

8 abr

Pronto!

Demorei, demorei e aí demorei mais um pouco. E então, finalmente, hoje posto o primeiro vídeo do blog. Vamos fingir que foi tudo planejado para esse post entrar especialmente hoje em homenagem ao nosso aniversário de quatro meses de Cingapura! Combinado?

Tenho muitas desculpas para dar pela demora, a começar pela Revolução das Máquinas que ocorreu aqui em casa. Câmeras, computador, celular e televisão, todos dando pau ao mesmo tempo. Experimente isso na sua casa e estará a um passo da loucura, meu amigo! Acredite! Eu estava lá e não foi bonito, não.

Superado o trauma, aí está o fruto das primeiras brincadeiras. Ainda é humilde, curtinho e em fase experimental. Força no “experimental”, viu?! E no “humilde”. E no “curtinho” também, afinal o vídeo tem só dois minutinhos! Mas foi feito de coração para resumir um pouquinho de mim – aqui do outro lado do mundo – quando estive em Padang em pleno carnaval. (Não lembra? Pode reler aqui!).

Já aviso logo que o vídeo tem continuação! E que, se as máquinas colaborarem, não vai demorar mais quatro meses pra aparecer…

(ps: como não amar o tiozinho que passa dançando pela feira?!)